VALOR DA TARIFA R$ 3,20
background

Dúvidas frequentes

Confira abaixo as perguntas mais frequentes

Bilhetagem Eletrônica

O que é a bilhetagem eletrônica?

A bilhetagem eletrônica é um sistema que revolucionou a vida do passageiro que utiliza o sistema de transporte coletivo da cidade de vila velha, nomeada como sanremocard. Os vales de papel foram substituídos por cartões magnéticos dotados de um chip de memória, que armazena os créditos equivalentes ao número de passagens que o usuário tem à sua disposição.

Como funciona a bilhetagem eletrônica?

O sistema é muito simples. Ao passar pela roleta, o passageiro aproxima seu cartão de um aparelho eletrônico instalado próximo ao cobrador. Esse aparelho — O Validador — desconta uma viagem do cartão e libera a roleta para que o passageiro prossiga seu trajeto. Pelo Validador, o usuário do cartão poderá acompanhar a utilização de seus créditos. Quem embarcar sem o cartão, por sua vez, poderá pagar em dinheiro.

Quais são as vantagens da bilhetagem eletrônica?

Uma das vantagens da bilhetagem eletrônica é a praticidade. O sistema torna mais fácil o embarque, descomplicando a vida dos passageiros, que não precisam mais aguardar pelo troco. Assim, a passagem pela roleta é mais veloz, e os tempos de viagens são reduzidos. Outra vantagem é a segurança, pois o passageiro poderá bloquear seu cartão em caso de perda ou roubo.

Quais são os cartões?

Atualmente, a Viação Sanremo é responsável pela emissão de quatro tipos de cartões sanremocard, feitos especialmente para públicos distintos que utilizam o sistema de transporte metropolitano. São eles:

Vale-transporte:
É usado por trabalhadores em substituição ao vale de papel. Deverá ser solicitado pelo empregador, pessoa física ou jurídica.

Estudante :
É utilizado em lugar do passe escolar de papel, mediante a emissão de cartão personalizado ao aluno, com foto, e filiação.

Estudante Extra:
É utilizado em lugar do passe escolar de papel, mediante a emissão de cartão personalizado ao aluno, com foto, e filiação. (Este cartão é para alunos que estudam dois períodos ou mais).

Popular:
É usado por todo usuário que paga a passagem em dinheiro e queira ter a comodidade de utilizar o cartão recarregável.

Como bloquear o Cartão Vale Transporte?

Pelo site, através de seu usuário de acesso.

Informação Importante: O usuário que tiver o cartão Vale Transporte extraviado, perdido ou roubado deverá solicitar a segunda via o mais rápido possível e em seguida fazer o bloqueio. Com esse procedimento, não há risco de uso indevido dos créditos existentes no cartão. A segunda via do Cartão Vale Transporte poderá ser solicitada no site da Viação Sanremo por meio de login e senha da empresa empregadora. Outra opção é solicitar indo pessoalmente no guichê de venda situado na Av. Ernesto Canal, 200, Bairro Alvorada, Vila Velha, ES. Para isso, o empregado deverá apresentar autorização emitida pela empresa, o prazo para confecção da segunda via é até sete dias úteis.

Onde e como retirar a segunda via do Cartão Vale Transporte?

A retirada do cartão segunda via será feita na sede da Viação Sanremo, situado na Av. Ernesto Canal, 200, Bairro Alvorada, Vila Velha, ES. Para isso, o empregado deverá apresentar autorização emitida pela empresa. Para isso, é necessário que o empregado, ou quem a empresa delegar, apresente autorização emitida com essa finalidade assinada pelo empregador ou representante, juntamente com documentos de identidade. Além disso, é preciso pagar uma taxa de R$ 32,00 por cartão. O prazo para confecção do cartão é de até sete dias úteis.

Informação importante: O cartão solicitado, seja primeira ou segunda via, ficará disponível para retirada num prazo máximo de 90 dias. Após esse prazo, será apagado sendo necessária uma nova solicitação.

O que fazer quando o usuário do Cartão Vale Transporte for desligado da empresa?

A empresa empregadora através de seu usuário de acesso, poderá acessar o site da Sanremo e renomear o cartão do funcionário que foi desligado, preenchendo com os novos dados do novo funcionário que vai reutilizar o Cartão Vale Transporte, para isso basta acessar:
» Cadastro
» Usuário
» Preencher algum dos campos que contem (*) para localizar o cadastro.
» Substituir os dados já digitados pelos novos dados.
» Gravar
» Não clicar no campo (Limpar)

Como bloquear o cartão Popular?

Ligando para o SAC – 3346-3800 ou indo pessoalmente no guichê de venda situado na Av. Ernesto Canal, 200, Bairro Alvorada, Vila Velha, ES.

Informação Importante: O usuário que tiver o Cartão Popular extraviado, perdido ou roubado deverá primeiramente solicitar o mais rápido possível o bloqueio antes de fazer a solicitação da 2ª via. Com esse procedimento, não há risco de uso indevido dos créditos existentes no cartão. A segunda via do Cartão Popular poderá ser solicitada indo pessoalmente no guichê de venda situado na Av. Ernesto Canal, 200, Bairro Alvorada, Vila Velha, ES, deverá apresentar documento de Identidade e CPF, pagar uma taxa no valor de R$ 32,00, e a confecção da segunda via do cartão é de até sete dias úteis.

Onde e como retirar a segunda via do Cartão Popular?

A retirada da segunda via do Cartão Popular será feita na sede da Viação Sanremo, situado na Av. Ernesto Canal, 200, Bairro Alvorada, Vila Velha, ES. Para isso deverá o titular do cartão apresentar identidade e CPF, lembrando que a confecção da segunda via do cartão é de até sete dias úteis.

Informação importante: O cartão solicitado, seja primeira ou segunda via, ficará disponível para retirada num prazo máximo de 90 dias. Após esse prazo, será apagado sendo necessária uma nova solicitação.

Como bloquear o cartão Estudante, Estudante Extra e Idoso?

Ligando para o SAC – 3346-3800 ou indo pessoalmente no guichê de venda situado na Av. Ernesto Canal, 200, Bairro Alvorada, Vila Velha, ES.

Informação Importante: O usuário que tiver o cartão Estudante, Estudante Extra e Idoso: extraviado, perdido ou roubado deverá solicitar o bloqueio o mais rápido possível antes de fazer a solicitação da 2ª via. Com esse procedimento, não há risco de uso indevido dos créditos existentes no cartão. A solicitação da segunda via e a sua retirada do cartão Estudante, Estudante Extra e Idoso é feita apenas através da Central de Atendimento, localizada na Avenida Ernesto Canal, nº 200, Alvorada Vila Velha/ES. Para toda e qualquer segunda via, será preciso apresentar documentos de identidade e cpf, boletim de ocorrência registrado na delegacia de policia civil, e pagar uma taxa no valor de R$ 32,00, no ato da solicitação da segunda Via. O prazo para a confecção do cartão é de até sete dias úteis.

Onde se encontram os postos de atendimento?

Sede da Viação Sanremo Ltda, que fica localizada na Av. Ernesto Canal, Nº 200, Alvorada, Vila Velha.

Em caso de cartão danificado, quais as providências a serem tomadas?

O cartão que sofrer qualquer dano técnico e deixar de funcionar corretamente deverá ser apresentado à Sanremo. Se o cartão possuir problemas técnicos internos, ele será prontamente trocado por outro, sem nenhum custo para o seu portador. Se houver sinais de vandalismo ou descuido, será cobrada uma taxa de emissão de segunda via. Por isso, evite colocar o seu cartão em locais de exposição ao calor, gordura ou em contato com a água e clipes.

Quais os cuidados necessários com os cartões?

» Não dobrar, perfurar nem grampear o cartão.
» Não molhar.
» Não expor o cartão ao sol, calor ou a produtos químicos.
» Não colar adesivos, nem plastificar.
» Nunca emprestar seu cartão a terceiros.
» Lembre-se de que um cartão bem conservado e utilizado corretamente evita erros de leitura.

Qual o risco do cartão ser falsificado?

A fraude por clonagem ou por falsificação é inviável em razão dos avançados conceitos de segurança que são empregados na sua fabricação.

A aquisição do cartão é obrigatória para os passageiros que não utilizam vale-transporte e passe escolar?

Não. O cidadão comum poderá optar por pagar em dinheiro a sua passagem. Devemos salientar que não haverá custo para nenhum usuário com a substituição dos passes ou vales de papel pelos cartões.

Como o passageiro poderá acompanhar os créditos que restam no cartão?

Ao apresentar o cartão ao Validador, o passageiro recebe a informação sobre a tarifa cobrada naquela linha e a quantidade de créditos restante. Todas essas informações são apresentadas pelo visor do aparelho.

Um cartão que ficou mais de 6 meses sem uso pode ser utilizado e quais as providências a serem tomadas?

O cartão eletrônico que não for utilizado pelo prazo de 1 ano é considerado inativo e não irá liberar a catraca nos ônibus. O interessado deverá proceder a sua liberação comparecendo na sede da empresa, portando o cartão para análise do ocorrido. Os créditos remanescentes (quando houver) não são perdidos e podem ser utilizados após a liberação do cartão.